sábado, 19 de julho de 2008

Sua gravidez

Riscos do lúpus para quem pretende engravidar
A mulher com lúpus pode ficar grávida, mas tem que tomar as devidas precauções

O lúpus é uma doença crônica que ataca o sistema imunológico da pessoa, principalmente mulheres. Confira com a reumatologista Mirhelen Abreu as principais implicações do problema, principalmente para quem planeja engravidar.

O que acontece quando se tem lúpus?
É o que chamamos de doença auto-imune. Ela confunde o sistema imunológico do paciente, que começa a reconhecer alguns órgãos como estranhos ao corpo, principalmente os rins, as articulações e a pele, e passa a produzir anticorpos contra eles. As causas ainda são desconhecidas, mas sabemos que há factores hereditários e que ela pode ser desencadeada por alterações hormonais, stresse ou alguma infecção.

A mulher com lúpus pode engravidar?
Pode, mas é necessária uma preparação para que ela engravide num momento em que a doença esteja menos ativa. Deve haver um acompanhamento cuidadoso do obstetra e do reumatologista, que é o médico que, normalmente, trata do problema. Durante muito tempo se considerou que a mulher com lúpus não poderia engravidar, mas isso é mito.

Quais são os principais riscos para a gravidez?
São aborto no início da gestação, em razão do aumento de estrogênio, hipertensão e parto prematuro.

Como deve ser a preparação?
Por intermédio do uso de medicação, os chamados imunossupressores, e pelo controle com exames, para que o médico saiba exatamente o momento em que a doença está menos ativa. É importante lembrar que a gravidade do lúpus varia de um paciente para outro.

5 comentários:

Silvia Madureira disse...

E assim se vai descobrindo um pouco mais sobre esta doença.

beijo para a Claudia

paula ferreira disse...

Ola
"Quais são os principais riscos para a gravidez?
São aborto no início da gestação, em razão do aumento de estrogênio, hipertensão e parto prematuro."
Boa discrição mas faltou uma das causas pricipais,as Tromboses (TVP),que podem acontecer pricipalmente a partir dos 5 ou 6 meses de gestação.

http://www.jvascbr.com.br/08-07-01/body/v7n1a06.htm

http://gineco.amerhuec.org.br/html/lupus_eritematoso_sistemico_e_.html

Tony Madureira disse...

Olá Paula,

Obrigado pela colaboração. Toda ajuda e esclarecimentos são bem vindos.

O blog é para isso mesmo:
Dar a conhecer este problema a quem não o conhece ou a quem queira saber um bocadinho mais.

Por isso já sabes, sempre que possas e queiras comenta.
Mais uma vez, muito obrigado


Beijinho

Tony Madureira disse...

Olá Paula,

Obrigado pela colaboração. Toda ajuda e esclarecimentos são bem vindos.

O blog é para isso mesmo:
Dar a conhecer este problema a quem não o conhece ou a quem queira saber um bocadinho mais.

Por isso já sabes, sempre que possas e queiras comenta.
Mais uma vez, muito obrigado


Beijinho

paula ferreira disse...

olá tony
Não tens nada que agradecer, nós as "lupicas" mais antigas é que temos a agradecer por esta vossa iniciativa do blog.
Continua eu sempre que posso venho cá espreitar as novidades.
bjs para vocês