terça-feira, 15 de julho de 2008

Acompanhamento...

A Claudia esteve na urgência HGSA no domingo de manhã a fazer análises conforme tem sido planeado desde a alta do ultimo internamento.
A função renal não estava muito bem.

Hoje esteve a falar com médica pelo telefone, e ficou combinado ir amanhã(Quarta-feira) novamente às urgências HGSA.
Vai fazer análises, raio X por causa das dores nas articulações das pernas.

Irá ser observada por um ortopedista.


Vamos aguardar…

7 comentários:

Carecaloira disse...

Espero que tudo tenha corrido bem.

Um beijo muito grande de força

denise disse...

Olá,
Meu nome é Denise,tenho 22 anos sou lupica a 2 anos e meio e tenho Nefrite lupica a 1 ano.Tomo Micofenolato Sódico e Eritopoetina(para a anemia).Minha vida mudou um pouco,ainda estou em fase de adaptação e aceitaçao rsrs mas estou vivendo com fé pois acredito na cura em uma melhora muitooo significativa e com isso estou colhendo os bons frutos,estou melhorando bem ja esta estabilizado meu quadro.
Melhoras e força a Claudia!!!
Beijos

Graça Lopes disse...

Força Clúdia, força família e força Denise.
Tudo de bom para vocês. As melhoras!

denise disse...

Obrigada Graça por seu apoio.Com certeza iremos superar tudo isso.E vc tbm é lupica ou alguem da familia?
beijos

paula disse...

comecei a ficar doente á cerca de dois anos, isquemias no lado esquerdo do cerebro,hipertensão,dores nos ossos principalmente nas mãos, nos pés e pernas,luzinhas na vista, as pontas dos dedos dormentes e pretas,etc a minha medica de familia desconfiou logo de doença autoimune,e pelas analises,mandou-me para o IPR,depois de mais analises, e outros exames o médico disse-me que tenho les, neste espaço de tempo andei sempre com uma depressão,que mesmo com acompanhamento psiquiatrico não me larga,e piorou muito depois de saber que tinha lupus,tenho dias de angustia e choro intenso,tomo 16 comprimidos por dia e continuo a ter dias cheia de dores,tenho os carpicos entupidos, atacou-me a vista vejo mal ao longe e ao perto continuo a ter inchaços principalmente nos joelhos e agora começou um ataque aos dentes,tenho estado com baixa e agora os medicos mandaram-me meter os papeis para a reforma, eu tenho 47 anos e trabalhava com deficientes mentais adultos, onde é necessario força fisica e mental. para mim tem sido muito complicado,pois assisti a cinco anos de cancro do meu marido que faleceu, e, quando consegui mais ou menos levar a vida para a frente acontece-me isto. Sinto-me muito traumatizada, vejo pessoas mais velhas do que eu na rua e todos me ultrapassam pois as dores e o cansaço não deixam. agora perdi o apetite,não tenho febre,mas tenho sempre 35 graus e pouco de temperatura o que me leva ás vezes durante anoite a acordar quase com hipotermia. Tenho dias que já não sei o k fazer pois nem sei explicar o que sinto. estou com falta de forças para lutar contra isto. não sou nova mas tambem não sou velha e sinto-me diminuida e farta. obrigada paula martins

paula disse...

comecei a ficar doente á cerca de dois anos, isquemias no lado esquerdo do cerebro,hipertensão,dores nos ossos principalmente nas mãos, nos pés e pernas,luzinhas na vista, as pontas dos dedos dormentes e pretas,etc a minha medica de familia desconfiou logo de doença autoimune,e pelas analises,mandou-me para o IPR,depois de mais analises, e outros exames o médico disse-me que tenho les, neste espaço de tempo andei sempre com uma depressão,que mesmo com acompanhamento psiquiatrico não me larga,e piorou muito depois de saber que tinha lupus,tenho dias de angustia e choro intenso,tomo 16 comprimidos por dia e continuo a ter dias cheia de dores,tenho os carpicos entupidos, atacou-me a vista vejo mal ao longe e ao perto continuo a ter inchaços principalmente nos joelhos e agora começou um ataque aos dentes,tenho estado com baixa e agora os medicos mandaram-me meter os papeis para a reforma, eu tenho 47 anos e trabalhava com deficientes mentais adultos, onde é necessario força fisica e mental. para mim tem sido muito complicado,pois assisti a cinco anos de cancro do meu marido que faleceu, e, quando consegui mais ou menos levar a vida para a frente acontece-me isto. Sinto-me muito traumatizada, vejo pessoas mais velhas do que eu na rua e todos me ultrapassam pois as dores e o cansaço não deixam. agora perdi o apetite,não tenho febre,mas tenho sempre 35 graus e pouco de temperatura o que me leva ás vezes durante anoite a acordar quase com hipotermia. Tenho dias que já não sei o k fazer pois nem sei explicar o que sinto. estou com falta de forças para lutar contra isto. não sou nova mas tambem não sou velha e sinto-me diminuida e farta. obrigada paula martinst

Tony Madureira disse...

Olá Paula,

Como estás? Espero que melhor.
Tenta manter a calma e serenidade, sei que falar +e facil, mas que ajuda muito a ter esta atitudem ajuda!
Não queres fazer o teu relato permenorizado para colocar no blogue?
Se sim, envia para e-mail: tonymadureira@kanguru.pt

Fico aguardar noticias tuas.

Tudo de bom.

Beijinhos
Tony