quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Lúpus

O lúpus eritematoso sistémico (LES) é uma doença auto-imune multissistémica que afecta sobretudo a mulher em idade reprodutiva. A gravidez na doente com LES constitui um factor de risco para complicações materno-fetais, algumas das quais potencialmente graves. Estudos para avaliar as implicações da gravidez na doente com LES, consideraram factores de risco como HTA, trombocitopenia, anticorpos antifosfolipideos e doença activa, como preditivos de mau prognóstico materno-fetal. O reconhecimento destes factores é fundamental no seguimento da gravidez e na orientação terapêutica. Este artigo pretende rever os factores preditivos de prognóstico materno-fetal, bem como abordar as especificidades do tratamento do LES na grávida.

Fonte:
http://biblioteca.universia.net/html_bura/ficha/params/id/52122128.html

1 comentário:

♥ Mamãe Coragem e seu trio ♥ disse...

Tony eu perdi um bb pq a Obstetra não detectou que eu tinha os anticorpos antifosfolipidicos.
Depos tive meus dois filhos , tomando a gestação toda heparina... não foi fácil. mas consegui.
bjks.