domingo, 7 de setembro de 2008

Acompanhamento...

A Cláudia foi convocada para uma junta médica na quinta feira passada.
Este é o ultimo relatório da equipa medica que a trata no HGSA:



Doente de 41 anos seguida no HGSA – serviço de Medicina 2B desde Fevereiro/2008 pelos seguintes problemas:

#1. Síndrome hemofagocítico adquirido
1.1 LES
1.1.1 Hemorragia alveolar
1.1.2 Miocardite
1.1.3 Nefrite lúpica classe IV

Doente internada em Fevereiro/2008 neste serviço por pancitopenia e febre tendo alta com o diagnóstico de síndrome hemofagocítico adquirido secundário a LES associado a hemorragia alveolar, miocardite e nefrite lúpica classe IV com HTA e proteinuria nefrótica. Iniciou tratamento com corticoide e 6 ciclos de ciclofosfamida. Necessidade de vários internamentos com realização de transfusões e factores e crescimento.
Por má resposta a terapêutica instituída( manutenção de síndrome nefrotico e sedimento activo), alterado recentemente tratamento para micofonelato com boa resposta.
Ultima avaliação analítica 11/08/08 com Hg 9.3g/dL, sem alterações na contagem de leucócitos e plaquetas. Proteinuria 24h 1.16g. ecocardiograma 23/06/08 com dilatação ligeira da AE HVE ligeira. Discreto movimento anormal do septo IV. Função sistólica global do VE no limite inferior do normal. Pequeno derrame pericárdico circuferencial, mais evidente nas paredes posterior e lateral. Pequeno derrame circuferencial HVE ligeira.

#2. Dor na articulação coxo-femural
A Julho/08 inicia dor na articulação coxo-femural mais marcada a esquerda cuja RMN articular acha improvável a hipótese de osteonecrose no entanto dado o contexto clínico da doente programa-se internamento no serviço de Ortopedia para esclarecimento da situação clínica com eventual abordagem invasiva.

#3. Aspergilose pulmonar
Doente com diagnostico de aspergilose pulmonar a 3/8 desde então sob terapêutica com voriconazol. TAC tórax no diagnostico a evidenciar densificação difusa do interstício pulmonar e pequenos infiltrados peri-broncoalveolares de baixa densidade nos lobos superior e médio direitos e lobos inferiores, onde se observam mesmo pequenas aéreas de condensação parenquimatosa consistentes com infecção pulmonar. Presentemente encontra-se assintomática a nível do aparelho respiratório. Sem insuficiência respiratória. Realizou TAC de controlo a 7/08/08 com marcada involução das lesões pulmonares

#4. FOP
Doente com foramen ovale patente condicionando discreto shunt, apenas com manobra de valsalva. Discutido com cardiologia, não existindo indicações para encerramento do mesmo.

Medicação em curso:
Lorazepam 2.5mg/dia
Omeprazol 20 mg/dia
Prednisolona 20mg/dia a alternar com 15mg/dia
Sertralina 50mg/dia
Losartan 50mg/dia
Carvedilol 25mg/dia
Carbonato de cálcio 1000mg 12/12h
Vitamina D 0.25ug/dia
Enalapril 20mg 12/12h
Gliclazida 30mg/dia
Voriconazol 200mg 12712h
Furosemida 40mg/dia
Nifedipina CR 30mg/dia
Micofonelato de mofetil 500mg 12/12h
Acido residronico 1cp p/semana

7 comentários:

elvira carvalho disse...

Passei para deixar um abraço à Cláudia, e desejar o melhor Domingo possível.

Gata Verde disse...

Confesso que fiquei surpreendida com o conteudo do vosso blog.
É bastante interessante e muito diferente do habitual...voltarei!

Beijinhos

Carecaloira disse...

Cláudia,

um beijo bem grande.
E um abraço bem apertadinho (estás a sentir?)

Marina

Graça Lopes disse...

Um abraço e um beijinho de luz para a Cláudia e restante família (lindos na foto)

Dani.Danilo e Nicholas disse...

Claudia,
Sei como é dificil tudo isso!
Lembro que qdo estava grávida do Danilo tomava 08 remédios diferentes por dia, e isso muitas vzs era desanimador.
Mas a força que obtemos diante de uma dificuldade nimguém nos tira, sei que vc é uma batalhadora em defesa de sua saude, um abraço forte.

Claudia Madureira disse...

Olá a todas,

Obrigada pela vossa visita e ao mesmo tempo pelas mensagens de solidariedade e força.

Boa semana.

Beijinhos e abraços com carinho.

Carol disse...

Eu tenho que tomar um medicamento todos os dias e já me custa... Coragem e nada de desanimar!