sábado, 18 de setembro de 2010

Lupus Awareness-Catch a Cure

4 comentários:

Cristina disse...

Que bom ouvir falar de buscar, procurar, encontrar(?) uma cura. Desde os meus 27 anos, até aos 50 que tenho agora,habituei-me à ideia do crónico, sem cura. Uma vez,há muitos anos, alguém me falou de grandes progressos na investigação a caminho da cura. Será? Estou cansada de estar cansada e das surpresas que cada nova crise traz. Contudo, sinto-me, agora, mais acompanhada. Obrigada.

Cris disse...

Gostei muito desse blog, já venho acompanhando há algumas semanas..Mas só hoje resolvi pôr meu depoimento.
Eu tenho 27 anos, descobri que tenho lúpus à 02 meses. Mas, foi uma luta, pois já há 01 ano e meio passando por vários médicos e confesso que já estava desistindo.. Mas graças à Deus encontrei um reumatologista muito bom, passou uma bateria de exames e quando retornei na clínica, ele me internou logo pra tratamento por 15 dias, qundo voltei pra casa já estava muito bem disposta. Meus sintomas eram: muita fadiga, muita fraqueza,anemia intensa, dores articulares, sem apetite, perdi 10 kgs . Hoje, estou me tratando com prednisona oral 20mg 03 comp e mais complementos, o meu médico diz que vai diminuindo de acordo com o meu desenvolvimento, estou positiva. Nesses 02 meses já engordei 07 kgs,estou com muita energia, retomei meus estudos, meu trabalho, voltei a malhar, enfim, voltei a viver. Estou com o meu rosto inchado, com rosto de lua cheia, meu abdôme está distendido, mas tudo bem...Estou fazendo exercícios físicos pra não engordar muito em tão pouco tempo...Vou fazer novos exames pra saber se já melhorou o quadro, caso contrário, farei uma biópsia para melhor tratamento..estou meio receosa mas estou vivendo a vida após o outro ...

Tony Madureira disse...

Olá Crisitina, olá Cris.
Como estão?
Obrigado pela visista e pelos comentários
Não querem fazer o vosso relato mais Pormenorizado? se acharem que sim, enviem para os email's:
tonymadureira@kanguru.pt
claudiamadureira@live.com.pt

Tudo de bom.

kitucha disse...

Olá Tony,iniciei a 1.ª etapa do meu relato, mas agora perdi a coragem. De momento, preciso de ajuda. Alguém com LES, já fez tratamento da hepatite c com interferon e ribavirima e tem um testemunho com desfecho feliz, para me dar coragem? Desculpem o egoísmo, mas estou frágil.
Abraços para todos os companheiros de luta.
Cristina