quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Relato de Gabriel Albrecht

Carla Borges faz o relato do seu filho Gabriel Albrecht que tem 17 anos, e vive em Almirante Tomandaré do Sul/ RS/ Brasil
 
Meu nome é Carla Borges silva Albrecht Meu filho é Gabriel Albrecht Moramos em nossa fazenda em ALMIRANTE TAMANDARÉ DO SUL/RS/BRASIL

Meu filho faz hemodiálise em Passo Fundo-RS No Hospital São Vicente de Paula (HSVP)

Estou te enviando caro amigo a história de meu filho lúpico, grande abraço a vcs e espero que eu tenho conseguido fazer entender...

Meu filho companheiro!
Gabriel sempre foi um menino saudável, mas desde os 1 ano e 11 meses sua vida tem sido de desafios, nessa época um cachorro mordeu ele e teve de fazer 56 pontos na cabeça, não teve sequelas e se recuperou, depois de alguns anos braço quebrado, sendo que quase perdeu o braço e mais algumas outras coisinhas, mas até então tudo remediável...
Porém aos 12 anos ele foi diagnosticado com LÚPUS, ficou praticamente 8 meses no hospital, quase 3 meses na CTI, enfim, Graças a Deus e sua força, está conseguindo superar...APESAR DE SEQUELAS de vários ataques do lúpus, principalmente nos rins, sua visão ficou embaçada pq teve Encefalite na CTI , seu organismo ficou debilitado, pulmão, coração, teve trombose venosa profunda, gastrite, esofagite ...teve que reaprender a caminhar, hoje ele está com 17 anos e faz hemodiálise a quase 4 anos,(não se adaptou a diálise peritonial).
Bom, fico muito triste com o descaso do nosso governo, não poderia deixar aqui de citar isso, pois é uma doença pouco clara a todos, e até então incurável, e os portadores não recebem ajuda de quase nada com relação aos custos, afinal é uma doença crônica.
Meu filho está na fila de transplante, aguardando ancioso pelo órgão, eu, como mãe, peço a Deus que seja feita sua vontade, afinal desde que meu filho estava mal num momento de extremo desatino e dor, lhe entreguei nos braços de Deus, e ele me devolveu meu menino, me ensinando que só o amor e a fé supera diagnósticos impossíveis, contradiz a ciência!
Por isso, a você que dedicou seu tempo para ler meu relato, nunca esqueça isso:
A força, o impossível, a Fé, o milagre que buscamos, nasce no nosso CORAÇÃO!
Grande 2014 a todos... Vivam intensamente o dia a dia, valorizando tudo e todos ao seu redor!

5 comentários:

Neuciane disse...

Lindo relato. Nunca desista de pedir a Deus por seu filho, pois a fé move montanhas. Sempre que me sinto acometida pelo Lúpus peço a Deus que tome conta da minha saúde, e logo volto a ficar com a doença estabilizada. Tenha fé! Um feliz 2014! Estarei pedindo a Deus que apareça o mais breve possível um rim para seu filho, pois eu tbm sofro de problemas renais devido ao lúpus, mas Graças a Deus não preciso de diálise.

Claudia Cristina disse...

deus abençoe teu filho e prepare para ele um rim eu tambem sofro de lupus e peço a deus tds os dias pra livras me das dores

Claudia Cristina disse...

deus abençoe vcs e prepare tudo na hora certa tambem tenho lupus

Carla disse...

Obrigada queridas,somos unidas pela mesma corrente de esperança e fé...com certeza,que esse ano suas dores possam ser atenuadas e renovada as forças para continuarem lutando!Grande bj no coração de cada uma!

Carla disse...

Obrigada queridas!
Pois é,com certeza somos unidas pela corrente fé,e certamente ela deve ser renovada dia a dia,a cada novo amanhecer...que Deus continue amenizando suas dores,e que esse ano seja um anos de grande realizações a todas nós!Grande bju no coração! Muita força,Luz e Garra!Nunca desanimem!